Monitorizar o impacto das alterações climáticas na estrutura genética das populações: o caso do laibeque-de-cinco-barbilhos (Ciliata mustela) (Linnaeus, 1758) no limite sul da sua área de distribuição.


Screen Shot 2014-03-11 at 15.40.42O laibeque-de-cinco-barbilhos é um peixe marinho que ocorre nas zonas costeiras, desde o centro de Portugal ao nordeste da Noruega.

Neste trabalho foi estudada a estrutura populacional desta espécie, utilizando o gene do citocromo b e o primeiro intrão de uma proteína ribossómica nuclear s7. Usaram-se amostras de localidades desde Portugal à Noruega.

Foram testadas as seguintes hipóteses alternativas: 1) é a população portuguesa desta espécie auto- sustentável? ou 2 ) encontra-se esta população dependente de migrantes do norte da Europa?

Não foi encontrada nenhuma subdivisão genética entre os locais amostrados e os índices de diversidade genética não sofreram alterações ao longo da mesma.

Os dados suportam a persistência desta espécie ao longo de vários ciclos glaciais seguida de uma rápida expansão há cerca de 10 mil anos atrás.

Em Portugal, as populações desta espécie são fortemente afectadas pelas oscilações climáticas sofrendo reduções severas dos seus efectivos nos anos quentes e recuperação em anos frios.

Estes resultados suportam a hipótese de que a população portuguesa é principalmente dependente de imigrantes oriundos de localizações mais a norte. Espécies como este laibeque podem ser utilizadas para monitorizar os efeitos de curto prazo das mudanças climáticas e a sua influência na estrutura genética das populações.

Este trabalho foi desenvolvido por :

Joana I Robalo (Unidade de Investigação em Eco-Etologia, ISPA – IU)
Cristina S Lima (Unidade de Investigação em Eco-Etologia, ISPA – IU)
Sara M Francisco (Unidade de Investigação em Eco-Etologia, ISPA – IU)
Frederico Almada (Unidade de Investigação em Eco-Etologia, ISPA – IU)
Rafael Banõn (Servizo de Planificación, Dirección Xeral de Desenvolvemento Pesqueiro, Consellería do Mar e Medio Rural, Xunta de Galicia)
David Villegas-Ríos (Instituto de Investigaciones Marinas, IIM-CSIC).
Vítor C Almada (Unidade de Investigação em Eco-Etologia, ISPA – IU)

Este trabalho foi financiado por:

Projecto MarinERA “Marine phylogeographic structuring during climate change: the signature of leading and rear edge of range shifting populations”
Eco-Ethology Research Unit (331/94) project PEst-OE/MAR/UI0331/2011 (FCT, com comparticipação do FEDER), Frederico Almada (SFRH/BPD/63170/2009) – Bolsa Pós-doutoramento.

Para mais informações: Joana Robalo

Robalo JI, Lima CS, Francisco SM, Almada F, Banõn R, et al. (2013) Monitoring Climate Change Impact on the Genetic Population Structure: The Case of the Fivebeard Rockling (Ciliata Mustela, Linnaeus, 1758) In Its Southern Limit of Distribution. Journal of Phylogenetics & Evolutionary Biology.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s